Boletim - Setembro 2017

Fundação Energia e Saneamento

Memória



Ponte Grande sobre o Rio Tietê, em São Paulo - SP, e que seria substituída pela Ponte das Bandeiras. Ca 1896 - 1900. Gaensly & Lindemann


22 de setembro: aniversário do Rio Tietê


Maior rio paulista - suas águas atravessam mais de 60 municípios -, o Tietê é tão importante para o Estado que possui até data de aniversário: 22 de setembro. Com a extensão de 1,1 mil quilômetros, o Tietê contribui para a economia, o turismo e a geração de energia em São Paulo - nele, estão instaladas cinco usinas hidrelétricas. Como forma de celebrar a data, a Fundação Energia e Saneamento, detentora de um amplo acervo histórico que inclui fotos de trechos do Tietê desde o final do século 19, apresenta alguns destes registros na seção Memória de setembro.

Com o projeto de digitalização do acervo aerofotogramétrico da instituição em andamento, que também inclui a produção de um mapa-índice de base histórico-geográfica do Estado de São Paulo, a equipe do Núcleo de Documentação e Pesquisa vem trabalhando na digitalização e organização de serviços de levantamento aéreo que registram, por exemplo, trechos do Rio Tietê na Capital antes de sua retificação, ocorrida na década de 1940.

Em um destes trechos, que estará disponível em formato digital aos pesquisadores, pode-se observar o encontro do Rio Pinheiros com o Tietê no ano de 1940, tendo ainda preservado o seu percurso original - à época, a retificação do Pinheiros já estava iniciada, em um período de predomínio de chácaras e baixa urbanização na região. Hoje, a localidade se encontra totalmente urbanizada, abrigando os bairros da Vila Leopoldina, Vila Jaguara e Jaguaré, além das Marginais Tietê e Pinheiros e seus rios correspondentes retificados e canalizados.

Interessados em consultar o acervo arquivístico e bibliográfico da Fundação Energia e Saneamento podem entrar em contato pelo e-mail pesquisa@energiaesaneamento.org.br.





Encontro do Rio Tietê (parte superior) com o Pinheiros, em início do processo
de retificação, na atual região da Vila Leopoldina, Vila Jaguara e Jaguaré. 1940





Pedestres observam o Rio Tietê em ponte no bairro Vila Maria, na zona norte
da Capital paulista. 1922. Guilherme Gaensly




Rio Tietê nas proximidades da Usina de Lavras, em Salto - SP. S.d.







Rio Tietê nas proximidades da barragem Edgard de Souza, em
Santana de Parnaíba - SP. 1900. Guilherme Gaensly

Rede Museu da Energia


Rede Museu da Energia participa da 11ª Primavera
dos Museus

A Rede Museu da Energia participa, até domingo (24/9), da 11ª edição da "Primavera dos Museus", temporada de eventos coordenada pelo Instituto Brasileiro de Museus (Ibram) e que, em 2017, articulará mais de 900 instituições ao redor do tema "Museus e suas memórias". O objetivo é levar as unidades museológicas nacionais a refletirem sobre as suas próprias recordações e trajetórias.

Em Salesópolis, a ação "Museu e suas memórias" será executada na casa de máquinas da Usina de Salesópolis, onde o público terá à disposição itens que reproduzem os acessórios usados pelos operadores da Usina nos seus primeiros anos de funcionamento, na década de 1910. No Museu da Energia de Itu, acontece a ação "Caça ao Tesouro", voltado ao público infantil, e o projeto de história oral "Café com Energia". A programação completa pode ser conferida aqui.





Em Itu, Museu da Energia promove jogo "Caça ao Tesouro". Foto de Caio Mattos

Espaço das Águas


Museu da Energia
de Salesópolis promove
"Semana do Rio Tietê"

Até domingo (24/9), o Museu da Energia de Salesópolis realiza a "Semana do Rio Tietê". Durante o período, a unidade promove a atividade "Tietê e sua trajetória", que apresentará ao público, por meio de fotos e caminhada no próprio local, , o percurso do rio e os problemas de poluição enfrentados ao longo de seus 1,1 mil quilômetros. A ação marca as celebrações do aniversário do Tietê (22 de setembro).

"Nós vamos apresentar, através de imagens, algumas das cidades por onde o Tietê passa ,as consequências causadas pelo lixo que é jogado no rio e as problemáticas dessa poluição, destacando a importância do Tietê e a necessidade de conscientização da população sobre a questão", explica o educador e biólogo do Museu, Fernando Maia.





Ação visa abordar percurso do rio pelo Estado e os problemas causados pela poluição. Foto de Caio Mattos

Notícias


Fundação participa de evento
sobre memória e preservação
de acervos no RJ

Nos dias 27 e 28 de setembro, o Centro Cultural Light, no Centro do Rio de Janeiro, recebe a terceira edição do Encontro Nacional sobre Preservação de Memória no Setor de Energia Elétrica - Preserva.ME, promovido pelo Centro da Memória da Eletricidade no Brasil. Dentre os palestrantes do evento, estará o vice presidente do Conselho de Administração da Fundação Energia e Saneamento, Renato de Oliveira Diniz, que apresentará a experiência da instituição na criação e implantação da Rede Museu da Energia.

Com o tema "Entre livros e objetos", a edição de 2017 do encontro chama atenção para o papel das bibliotecas, além das novas possibilidades metodológicas para museus do setor, que passam, cada vez mais, a serem vistos como centros integrados de cultura. Informações no site www.memoriadaeletricidade.com.br/preservame.




Atuação das bibliotecas como espaços de cultura será um dos temas
do evento Preserva.ME 2017


Projeto "Energizando"
promove pedalada
sustentável no centro
de São Paulo

Nos dias 11, 12 e 13 de setembro, a sede da Fundação Energia e Saneamento, na Capital, recebeu o projeto "Energizando: aqui a energia é sua", da organização Pedal Sustentável. A ação, que contou com o apoio do Museu da Energia de São Paulo, integrou a realização de palestra e interação do público com experimentos sobre energia renovável e eficiência energética.

O Pedal Sustentável atua na área de sustentabilidade e energia limpa e desenvolve plataformas geradoras de energia elétrica acopladas a bicicletas. Além de palestra com o engenheiro eletricista José Carlos Armelin, os participantes puderam pedalar e gerar energia para acionar aparelhos de som, ventiladores e carregadores de celular. Além do público espontâneo, a ação contou com a participação das Escolas Estudais João Kopke e Marechal Deodoro.




Público pôde pedalar em bicicletas acopladas a geradores de energia


Corpo Editorial: 
Isabel Felix e Mariana de Andrade
Apoio à pesquisa: Bianca Grazini
Webdesign: Fernando de Sousa Lima
Copyright © 2017 Fundação Energia e Saneamento. Todos os direitos reservados.
As imagens sem identificação pertencem ao acervo da Fundação Energia e Saneamento.


Política Anti-SPAM: Em respeito a você, caso não queira mais receber nossas Mensagens
Eletrônicas clique aqui  e envie um e-mail com a palavra REMOVER.

Contato: imprensa@energiaesaneamento.org.br



Rede Museu da Energia
Espaço das Águas


@energiaesaeamento




Fundação Energia e Saneamento Alameda Cleveland, 601 - Campos Elíseos - 01218-000 - São Paulo - Tel.: (11) 3224-1499 Desenvolvido por: Memoria Web